Portfólio 8 meses atrás | Redação

Sleeveface: retratos mesclados com capas de álbuns vinil

Ideia ganhou força depois que um DJ britânico começou a postar retratos com a mistura divertida e inusitada. Série "pegou" e faz sucesso no Instagram

por Revista FHOX
Carla Mabel

O vinil voltou com tudo nos últimos anos e a série SleeveFace é uma prova disso. Os criadores se divertem combinando as imagens com as capas em vinil de álbuns famosos e nem tanto. O resultado é criatividade pura e faz sucesso no Instagram. Criado pelo DJ Carl Morris em 2007, a tendência se popularizou com o Instagram e as redes sociais. Virou até um site. sleeveface.com. Se você tiver alguma foto ou ideia assim é só mandar para o site e ser publicado. Veja a galeria e divirta-se.

>> Nova turma da Escola de Negócios FHOX (27 de agosto) 

View this post on Instagram

Este é um dos meus discos mais queridos entre todos da história da música popular brasileira! Escuto e adoro desde a minha primeira infância, mas só tinha em cd; por um tempo tive em vinil, só que era emprestado, daí um dia a dona comprou uma vitrola e pediu de volta. Pois bem, mês passado ganhei de presente da @ana_alberton! Então vamos ao LP: trata-se do Verde que te quero Rosa, terceiro álbum do Cartola, lançado em 1977. Na minha avaliação (neste caso, profundamente pessoal e afetiva) ele é o maior sambista que este mundo já viu! Angenor de Oliveira nasceu no Catete e viveu em Laranjeiras, onde hoje, na mesma área, existe apenas um chão cimentado cujo o nome é 'estacionamento'; um absurdo completo, deveria ser um museu e dos grandes! Desde cedo aprendeu a tocar violão e cavaquinho com o pai; por dificuldades financeiras se mudou com a família para o morro da Mangueira, justamente na emergência da sua configuração enquanto favela. Lá entrou no mundo do samba e da boêmia! Perdeu sua mãe muito cedo, na adolescência, e teve que se virar trabalhando com o que tinha como oferta, na maior parte das vezes como servente de obra; costumava usar um chapéu pra se proteger do cimento, daí veio o apelido que se configurou em seu nome artístico! Nos anos de 1920 foi um dos fundadores do Bloco dos Arengueiros, que mais tarde inspiraria a formação da Estação Primeira de Mangueira, a escola de samba do coração de meu pai e que, claro, se tornou a minha também. Inclusive, sobre as pautas paternais, uma das cenas que mais me emocionaram na vida veio de uma filmagem do Angenor com o seu pai; ao que parece eles não se falavam há quase quatro décadas e ali resolveram trocar umas ideias, quando, no meio do assunto, pergunta ao pai qual canção gostaria de ouvir, ele responde "O mundo é um moinho" e Cartola toca de forma muito emocional; vale a pena conferir, tem no youtube. As cores da Mangueira, referenciadas neste álbum, foram definidas a partir da sugestão do Cartola, bem como o primeiro samba da escola partiu dele, "Chefa de Demanda". (Continua nos comentários…)

A post shared by LP Todo Dia (@lptododia) on

View this post on Instagram

#Sleeveface of the day: Yeah Yeah Yeahs – It's Blitz ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Yeah Yeah Yeahs are a rockband from New York City. The record "It's Blitz" was released in 2009 on Interscope Records (US) 📸: @stefanbehrensfotografie @el__bazzo ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Visit http://www.vinyloftheday.com for more news, records and events from our community! ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ #vinyloftheday #vinyligclub #vinylporn #instavinyl #vinyl #vinylcommunity #vinylcollection #vinylcollectionpost #vinylcollector #recordcollector #recordcollection #vinyladdict #recordstoreday #vinyljunkie #records #asia #music #cratedigger #cratedigging #recordstore #recordshop #discogs #yeahyeahyeahs #indie #rock #kareno #newyork

A post shared by VINYL OF THE DAY (OFFICIAL) (@thevinylday) on

>> UMA NOVA FORMA DE ACESSAR O CONTEÚDO FHOX 

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.