Fotojornalismo 1 ano atrás | Redação

A Whole World Blind: livro retrata a dura realidade na cidade de Alepo, na Síria

No meio de uma guerra civil, a população de Alepo sofre as consequências e as dores da devastação e do medo

por Revista FHOX

Com o livro A Whole World Blind, o fotógrafo Nish Nalbandian retrata as duras realidades da vida em Alepo, na Síria, onde a guerra e o medo já fazem parte do cotidiano da população. As imagens foram tiradas entre 2013 e 2014 e são um testemunho de cidadãos que apesar de estarem no centro de uma guerra civil,  estão tentando seguir suas vidas, coexistindo com a violência e com o medo.

Com retratos, fotografias documental, relatos e memória, o livro nos faz acompanhar de perto a vida de combatentes, crianças, mulheres, idosos e todos que foram afetados pelo conflito.  Nalbandian fez sete viagens para a Síria, e esse contato direto durou até a primavera de 2014, quando a Frente Revolucionária Síria expulsou o ISIS da Idlib, no noroeste do país. Naquele ponto, a presença do ISIS já tinha crescido por todo o Oriente Médio, e a ameaça para jornalistas e fotojornalistas era grande demais para que o documentarista continuasse.

A VICE conversou com o fotojornalista. Confira algumas imagens do livro:

Vale lembrar que a situação das pessoas em Alepo está cada vez mais complicada. Recentemente, a ONU denunciou o massacre de 82 civis em áreas da cidade que estão sob poder das tropas do governo sírio. Há notícias de estupros, execuções sumárias, execuções em massa e pessoas sendo queimadas vivas.

A tentativa de retirar moradores e insurgentes de Alepo diante do avanço de tropas leais ao presidente Bashar Assad falhou, colocando milhares de civis no centro de bombardeios e batalhas. A Rússia, que apoia o governo de Assad, dificulta a negociação de trégua.