Família 2 anos atrás | Regina Sinibaldi

Um fotógrafo na sala de parto

Documentar o nascimento de um bebê por foto e vídeo vai se tornando hábito entre famílias brasileiras; Rafael Pecci trabalha nisso

por Revista FHOX

Faz seis anos que o fotógrafo Rafael Pecci dedica-se à fotografia de nascimento em Passo Fundo (RS). Identificado com esse tipo de documentação, ele se compromete em transmitir ao máximo a emoção da família em receber o seu mais novo integrante. Não é um trabalho fácil, pois exige do profissional estar à disposição para receber a mensagem: “Venha, vai nascer”.

Arquivo pessoal
O fotógrafo Rafael Pecci

Hoje as suas reportagens incluem a fotografia e o vídeo. “Claro que o principal é a fotografia; o vídeo colabora no envolvimento das pessoas”, conta. O álbum é oferecido em dois formatos: 25 por 50 cm e 30 por 60 cm. São produzidos pelo Grupo Foto Sul, de Rogério Scortegagna.

Segundo Pecci, a fotografia de nascimento enfrenta algumas barreiras por conta das maternidades. “Algumas permitem a entrada do fotógrafo na sala de parto, outras, não.” Em Passo Fundo, por exemplo, o seu nome vai se tornando mais conhecido de médicos e maternidades.

A três semanas da Feira Fotografar, Pecci tenta conciliar sua agenda com a do evento. “Estou louco para ver a palestra de Alain Laboile na superquarta”, conta. Ele gentilmente enviou o vídeo de um de seus trabalhos. Acompanhe a chegada de Samuel aqui

A chegada de Samuel