News 2 anos atrás | Redação

Sebastião Salgado será indenizado por uso indevido de fotografia

Loja on-line vendia posters do celebrado fotógrafo. Juiz determinou que as páginas do site sejam retiradas do ar e que produtos impressos com fotos do autor sejam devolvidos

por Revista FHOX
CC/EBC

A notícia foi destaque no G1. De acordo com a decisão do Tribunal de Justiça do Espírito Santo, Salgado deve receber 50 mil reais. A indenização é por danos morais e contra um site que vende posters. Uma das fotos de Sebastião Salgado foi reproduzida e vendida sem autorização dentro da loja virtual. A decisão do juiz da Terceira Vara Cível de Vitória. Além disso, o negócio online deve indenizar o fotógrafo também por violação do direito autoral. O juiz determinou que a empresa tire as páginas com as imagens do ar e devolva quaisquer produtos impressos com a foto do famoso fotógrafo. A empresa respondeu dizendo que atuou de forma legal e que não tem como controlar previamente o que é vendido na plataforma.  “Ressalte-se o fato notório de que o demandante chegou o a dedicar anos de sua vida em uma única expedição fotográfica, resultando numa obra completa, para, após, ver suas fotos renomadas serem vendidas de forma precária e subvalorizadas”, disse o magistrado na sentença.

>> Quer conhecer a nova FHOX de graça? 

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.