Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Quando fotos de formigas custam milhões de dólares

O caso envolve o trabalho do fotógrafo especialista em insetos, Alexander Wild. Normalmente suas fotos custam entre 40 e 400 dólares e são licenciadas para empresas diversas. O profissional inclusive oferece as fotografias de graça para Organizações não governamentais ou sem fins lucrativos. O problema é que a empresa Inoova Supply dba Solutions Pest (de Pasadena) usou imagens sem autorização e o fotógrafo entrou com uma ação. Wild pede 150 mil dólares por cada imagem e o total da indenização será de 2.7 milhões de dólares. O trabalho de Wild já teve destaque na National Geographic e The Washington Post. Ele também é curador de entomologia da Universidade do Texas em Austin. A ação do profissional é relativa a 18 fotos protegidas por direitos autorais. As fotografias dele usadas pela marca sem autorização são close-ups impressionantes. Wild clica não só formigas, mas uma grande variedade de insetos. Depois de ser notificada diversas vezes, foi dado entrada no processo. A empresa pode recorrer. O mais irônico de toda a história é que Wild é um especialista em diversas espécies de formigas e um grande conhecedor e estudioso do assunto. E as fotos usadas de forma ilegal pela empresa são justamente para serviços de controles de pragas.

 

>> Fotógrafo sírio leva o grande prêmio da HIPA 

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.