Participe do SIM. Semana do Imaginário Materno!

Noivos tentam cancelar contrato com fotógrafa após ela apoiar o movimento Black Lives Matter

A fotógrafa de casamento Shakira Rochelle diz que o casal de clientes tentou rescindir o contrato por ela apoia o movimento recente do Black Lives Matter. Uma matéria do Insider diz os noivos pediram para cancelar depois de perceberem (nas redes sociais) que ela apoiava o movimento que ocorreu após a morte do negro George Floyd nos Estados Unidos. Atuando em Cincinnati. A noiva escreveu que não poderia apoiar alguém em assuntos que não os interessam. “alguém que não acredita que TODAS as vidas são importantes” disse a noiva. O caso ganhou mais contornos polêmicos porque o contrato da fotógrafa não prevê reembolso. A fotógrafa decidiu doar o valor que já tinha sido para para o movimento BLM. 

https://www.instagram.com/p/CBEt3EblKff/?utm_source=ig_embed

Tudo aconteceu porque Shakira publicou nas redes sociais. O que levanta o tema do posicionamento de prestadores de serviços no ambiente online (sem julgamentos nesse ponto). Coisa que inclusive gerou esse debate também nas redes sociais. Fotógrafos e profissionais em geral devem se posicionar com o risco de perderem os clientes? Como tudo hoje em dia, o assunto polarizou. De um lado existem os que acreditam que o posicionamento ajuda a atrair ou afastar pessoas que pensam igual. E aqueles que preferem não se posicionar para não ter esse tipo de ocorrência. O tipo de decisão que faz parte da democracia e que obviamente envolve consequências seja qual for a escolha. Shakira publicou no Instagram no dia 5 de junho destacando que era solidária a causa da comunidade negra. “O movimento Black Lives Matter tem meu apoio” disse. Depois a fotógrafa compartilhou a conversa que teve com a noiva via iMessage pedindo o dinheiro de volta. A noiva disse que ela e o noivo ficariam “envergonhados” por ter a fotógrafa no casamento. “Você não é estável o suficiente para concluir o trabalho que precisamos de você”, acrescentou. Shakira respondeu que o contrato estipulava que o depósito não era reembolsável. Ela também indicou que estava doando pelo menos uma parte para o BLM. “Desejo a você uma vida inteira de crescimento e gostaria de agradecer por sua doação à Black Lives Matter”. 

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10163829926455333&set=a.10150734460630333&type=3

A fotógrafa foi procurada pela mídia daquele país e não quis comentar. Mas negou que estaria tentando faturar com o movimento Black Lives Matters. O fato é que a história viralizou e a fotógrafa diz estar com a agenda lotada. Também comunicou que não iria deletar o post porque isso iria contra tudo o que ela acredita. “Eu sempre defendi os direitos humanos e continuarei a fazê-lo”, escreveu ela. “Eu marchei com meus entes queridos e sozinha. Minhas intenções são puras”. Os noivos avisaram que vão processar a fotógrafa. 

O fotógrafo Yul Barbosa enviou uma mensagem para a Fhox com a seguinte colocação

Sobre a pergunta, se fotógrafos devem se posicionar… Comecei a ter clientes melhores, principalmente pra ensaios femininos, justamente depois que comecei a me posicionar sobre alguns assuntos. https://instagram.com/yulbarbosa

LEIA TAMBÉM: OS FUNDAMENTOS DA FALTA DE MARKETING