News 7 meses atrás | Leo Saldanha

Covid-19: Sony cria fundo de $100 milhões de dólares para ajudar afetados pela pandemia

Sony Global Relief Fund for COVID-19 chega para dar suporte e apoio na educação, saúde e também para a comunidade dos criativos

por Revista FHOX

A Sony anunciou ontem (1) a criação de um fundo de 100 milhões de dólares para ajudar e dar suporte para os afetados pelo novo coronavírus. O objetivo desse fundo é prestar assistência aos médicos e profissionais da área de saúde que estão na linha de frente contra a pandemia. E mais: apoiar crianças e educadores e ajudar ainda os membros da indústria de entretenimento e da área criativa. 

No comunicado oficial Kenichiro Yoshida, presidente e CEO da Sony Corportation, ofereceu condescendências a todas as famílias daqueles que morreram com covid-19 e disse ainda “vamos fazer tudo aquilo que podemos como uma companhia mundial para apoiar os indivíduos nas linhas da frente contra o covid-19”.

10% do investimento vai para o COVID-19 Solidarity Response Fund, criado pela World Health Organization, para os Médecins Sans Frontières (MSF), United Nations Children’s Fund (UNICEF) e United Nations High Commissioner for Refugees (UNHCR). 

Já na parte de educação, a Sony quer colaborar com tecnologias que possam  ajudar as atividades educativas cooperando com educadores para lançar medidas que não deixem os jovens perder oportunidades de educação.

Enquanto na parte da comunidade criativa, a Sony vai apoiar criadores, artistas e todos os profissionais da indústria que foram afetados pelo cancelamento ou adiamento de concertos, eventos ao vivo, e produção de filmes e séries de televisão. A Sony tem 110 mil funcionários e é uma das maiores empresas de eletrônicos do mundo.