Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Bryan Adams vai assinar o 48° calendário da Pirelli 2022

O músico e fotógrafo canadense se junta a uma lista de grandes nomes, que vai de Avedon a Leibovitz, para marcar o retorno de um dos maiores ícones que representam a moda

Bryan Adams, o artista canadense que desde o final dos anos 1990 combinou a carreira de rock com a paixão pela fotografia, retratando músicos, atores e modelos com grande expressão, vai assinar o Calendário Pirelli de 2022.

O músico e fotógrafo deu a notícia nas suas redes sociais, declarando o “orgulho de finalmente revelar que sou o fotógrafo do Calendário Pirelli 2022”.

Nesse momento, o elenco e o conceito do Calendário, bem como o local da sessão de fotos, permanecem um segredo bem guardado. O Calendário 2022 está na 48ª edição, após o lançamento do ‘Cal’ original em 1964.

Amplitude criativa

Os retratos de Adams estão nas páginas de publicações renomadas, tais como VogueVanity FairGQ e Harper’s Bazaar, bem como em sua própria revista de arte, a famosa Zoo. Já foram retratados Sir Mick Jagger, John Boyega, Amy Winehouse, Naomi Campbell e muitos outros, incluindo políticos, estadistas e até a Rainha, que ele fotografou para seu Jubileu de Ouro em 2002.

Adams também publicou vários livros dedicados à sua obra, incluindo American Women (2004), Exposed (2012), um projeto sobre veteranos de guerra britânicos feridos intitulado Wounded: The Legacy of War (2014) e Homeless, lançado em 2019.

Do outro lado da moeda criativa, nas últimas quatro décadas, sua música alcançou o status de número um em mais de 40 países. Ele recebeu três indicações ao Oscar, cinco ao Globo de Ouro e um Grammy, e lançará seu 15º álbum em 2021.

Por trás das lentes

Desde o lançamento do Calendário, a Pirelli escolheu alguns dos principais fotógrafos e criativos do mundo para retratar suas páginas. Adams junta-se a lendas como Norman Parkinson, Terence Donovan, Helmut Newton, Peter Beard e Richard Avedon, entre outras.

Adams será o primeiro fotógrafo canadense a clicar um Calendário Pirelli. No entanto, ele não será o primeiro músico a participar. Bono, Jennifer Lopez, Sean “Diddy” Combs, Lil Yachty, Yoko Ono e Patti Smith estão entre os artistas que apareceram na frente das câmeras em edições anteriores.

O anúncio de que Adams será o próximo fotógrafo a colaborar com a marca italiana neste prestigioso projeto marca o retorno bem-vindo do Calendário, que foi suspenso no ano passado devido à emergência de Covid. Esta não foi a primeira vez que o Calendário foi interrompido. Antes de 2021, o Cal foi suspenso em 1967 e novamente de 1975 a 1983 por motivos de austeridade.

Uma mudança cultural

Foi o fotógrafo italiano Paolo Roversi quem fotografou o Calendário mais recente, em 2020. Combinando fotografia e filme pela primeira vez, The Cal daquele ano foi inspirado na história de amor de Shakespeare, Romeu e Julieta, e retratado parcialmente em Verona. Apresentava uma série de aspirantes a Julieta, interpretada por atores e modelos, incluindo Claire Foy, Emma Watson, Kristen Stewart, Indya Moore e Mia Goth.

Outras edições recentes do Calendário inovaram de outras maneiras, inclusive com a diversidade de seu elenco. O calendário 2018, produzido pelo fotógrafo britânico Tim Walker, foi inspirado em Alice no País das Maravilhas e apresentava um elenco composto totalmente por negros: Lupita Nyong’o, Naomi Campbell, Djimon Hounsou, Whoopi Goldberg e RuPaul, entre outros.

Marcando outra mudança cultural, o Calendário de 2016 fotografado pela americana Annie Leibovitz exibiu um panteão de mulheres de todas as idades, escolhidas por suas realizações em campos tão diversos como arte, música, esporte, cinema e comédia. O elenco incluía Yoko Ono, Amy Schumer, Kathleen Kennedy, Serena Williams, Tavi Gevinson e Shirin Neshat.

Embora mais detalhes sobre o próximo Calendário permaneçam em segredo, a revelação da edição de 2022, assinada pela potência criativa Adams, promete ser um dos maiores eventos de fotografia do ano.

Com informações da Pirelli.