Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Além da propaganda: saiba como tirar boas fotos de bebidas

Close-up of pouring champagne in a glasses over black table with cup cake. Serving drinks for new years party.

Separamos quatro dicas fundamentais para tirar boas fotos de bebidas diversas

(Crédito: iStock)

Algumas bebidas são, além de muito saborosas, tão especiais que se tornam fotogênicas. Afinal, não é incomum ver nas redes sociais boas fotos de drinks especiais, assim como o velho clichê de uma bela taça de vinho ao fim de um pôr do sol, ou mesmo ao lado de uma preparação especial durante a noite.

No entanto, ainda que bater uma foto para as redes sociais seja algo simples, tirar uma boa fotografia de bebidas diversas pode ser uma tarefa mais difícil do que se parece. Isso porque muitas vezes as taças refletem a luz, o que dificulta o processo de fotografia e pode configurar em um resultado ruim.

Assim, separamos quatro maneiras de tirar boas fotos de garrafas e drinks. Confira.

A escolha do copo

A foto ideal de uma bebida pede também a escolha de um copo que a valorize. Isso por vezes fica mais evidente em taças de vinho, por exemplo, mas o conceito vai além dessa bebida. Em caso de outros drinks ou mesmo na boa e velha cerveja, a escolha do copo faz toda a diferença. Além de trazer uma boa composição de fotografia, o copo certo também pode evidenciar fatores importantes, tais como cor e borbulhas.

(Crédito: iStock)

Produção de um cenário

Muito além da bebida, o cenário que compõe a foto também faz toda a diferença. No fim, é ele quem dará o caráter final da foto: algo mais esportivo, mais clássico ou mais rotineiro. Para a composição, é interessante brincar com elementos que se assemelham à bebida. Em um drink, por exemplo, dispor ingredientes que o compõem próximos da taça pode criar algo mais rico em detalhes.

Na pegada mais clean, é preciso ter atenção com a quantidade de texturas e contrastes na foto. Para isso, o ideal é combinar as cores do cenário com as cores da bebida a ser fotografada. Assim, se o alvo da fotografia for um Blue Lagoon, vale a pena investir em tons contrastantes com o azul do Curaçau Blue.

Saiba dosar bem a luz

Diferentemente de outros tipos de fotografia, capturar imagens de bebidas tem um desafio: lidar com o reflexo da luz, tanto no próprio líquido, quanto no copo. Assim, é preciso ter atenção e cuidado com a escolha dos focos de luz, visto que eles serão fundamentais para deixar a foto mais nítida. É preciso fazer testes com pontos de iluminação que favoreçam e centralizem a bebida. No caso de um vinho malbec que tem cor violeta escuro, por exemplo, vale a pena fazer com que a luz mostre o tom da bebida refletida em um fundo branco.

(Crédito: iStock)

Manter espuma, bolhas e dicas de aparência

Outras dicas que valem a pena explorar são aquelas que dizem respeito à aparência da bebida por um tempo elevado, suficiente para bater boas fotos. Um exemplo é o da espuma de um copo de cerveja: para mantê-la por mais tempo, vale colocar um pouco de sal ou açúcar no fundo do copo.

Além da espuma, vale a pena investir nos efeitos do copo. Para deixá-lo com aspecto gelado, uma boa dica é usar verniz transparente fosco. Se a intenção for deixá-lo “suado”, uma boa dica é borrifar uma mistura de glicerina e água. Por fim, para manter as bolhas, nada que uma aspirina efervescente não resolva. 

Claro, essas estratégias acabam sendo ideais para quando a fotografia é comercial, já que o contato da bebida com elementos como a glicerina e sal podem comprometer o sabor do drink ou até tornar o líquido inapropriado para consumo.