News 4 anos atrás | Leo Saldanha

A aula de fotografia de Emmanuel Lubezki, diretor de fotografia do filme “O Regresso”

Detalhes interessantes sobre o filme O Regresso, vencedor na categoria direção de fotografia do Oscar

por Revista FHOX
THE REVENANT Copyright © 2015 Twentieth Century Fox Film Corporation. All rights reserved. THE REVENANT Motion Picture Copyright © 2015 Regency Entertainment (USA), Inc. and Monarchy Enterprises S.a.r.l. All rights reserved.Not for sale or duplication.
Foto: Kimberley French-Variety

Ontem (28) ocorreu a entrega do Oscar 2016, premiação mais popular do cinema. Entre os vários premiados está a produção “O Regresso”. O filme levou a estatueta de melhor direção (Alejandro Inharitu), melhor ator (Leonarado DiCaprio) e melhor direção de fotografia (Emmanuek Lubezki). Aliás, essa é a terceira vez seguida que Lubezki vence nessa categoria. Ele ganhou no ano passado pelo filme Birdman e no ano anterior com Gravidade.

Lubezki discorreu sobre o processo desafiador de trabalhar só com luz natural para gravar o filme. E ainda realizar isso em condições extremas. Por sinal, essa foi a primeira vez que ele trabalhou sem iluminação artificial. Segundo o site a Gambiarra, ele só usou lâmpadas em uma das cenas da fogueira. Justamente para dar a sensação de calor que buscavam naquela tomada em especial.

Quanto ao equipamento, a equipe usou lentes angulares de 12 a 21mm e assim passar a sensação de proximidade entre os personagens e o espectador. Quem assistir ao filme certamente vai notar esse efeito e ainda comprovar que o Oscar de melhor fotografia para “O Regresso” foi mais do que merecido (embora o Mad Max também tenha uma cinematografia espetacular).

Na coletiva oficial do Oscar, Lubezki disse:

Acredito que sou o fotógrafo mais sortudo do mundo.