Fotojornalismo News 10 meses atrás | Redação

A fotografia de Antanas Sutkus

Lituano faz parte da história do fotojornalismo nos países bálticos

por Revista FHOX
Fotos: Antanas Sutkus

Uma referência inconteste na fotografia da Europa Oriental é Antanas Sutkus. Ainda que pouco conhecido no Brasil, parte de seu trabalho foi exposto por aqui em algumas oportunidades, sendo a mais recente a coletiva no Paço Imperial, no Rio de Janeiro, encerrada no fim de fevereiro (“A União Soviética através da câmera”).

Jornalista formado pela Universidade de Vilnius (Lituânia) na década de 60, sua fotografia mostrava o dia a dia das pessoas em um país integrante da antiga União Soviética e não demorou a cair nas garras da censura ideológica do então regime comunista que até o encarcerou. Mas algumas daquelas imagens transpuseram fronteiras e revelavam ao Ocidente um olhar que lembrava a fotografia de Cartier-Bresson, Capa e outros que ele próprio desconhecia na época.

Iniciava assim uma trajetória de exposições por todo o mundo que despertaram o interesse de renomados museus em Paris, Londres, Helsinki, Zurique, Nova York e outros centros em ter obras de Sutkus em seus acervos.

Fotos: Antanas Sutkus