Participe do SIM. Semana do Imaginário Materno!


Pesquisa FHOX: um retrato do impacto da pandemia no mercado fotográfico

Na última semana a FHOX lançou uma pesquisa em um formulário on-line para entender o impacto da pandemia no mercado fotográfico. Não só para fotógrafos (que representam o maior número) mas também quanto a lojistas e empresários de foto de formatura e outros. Dado o tamanho da amostra dá para se ter uma ideia aproximada da dimensão do estrago causado por esse momento sem precedentes. Quer participar da pesquisa? então clique aqui: Covid-19 na fotografia. 

1 – Você foi impactado pela Covid-19?

Observação: Aqui está uma resposta óbvia devido ao quadro complexo da economia nesse momento. 

2 – Qual seu ramo de atuação?

Observação: a participação dos fotógrafos é muito maior pois representam o volume do ramo. Mais de 80% dos que responderam são fotógrafos. Com representação maior de fotógrafos sociais e de família e newborn. Mas tivemos participações de fotógrafos autorais, fotojornalistas e outros. Loja de fotografia e empresas de foto de formatura representando pouco mais de 16%.

Quanto tempo de mercado?

Observação: a base de leitores e seguidores da FHOX é de profissionais veterenos o que indicaria esse perfil mais experiente dos que responderam. Com 40% dizendo que tem mais de 10 anos de mercado. Entre 6 e 10 anos com 29.6%. Entre 3 e 5 anos com 22.4% e até 2 anos de mercado representando 8%.

3 – Eu qual região brasileira você está?

Observação: a maior participação foi de empreendedores da região sudeste com 56%, seguido do nordeste com 15.2%, Sul com 16.8%, Centro-oeste com 7.2% e Norte com 4.7%.

 

4 – Qual foi a queda no faturamento?

Observação: preocupante que a redução para 53.2% tenha sido acima de 80% na queda nas vendas. Com 30.2% com diminuição entre 60 e 60%. E 30 e 50% para quase 10%. Ou seja, redução geral para mais de 90% dos que responderam.

 

5 – O que você está fazendo para esse momento delicado?

Observação: aqui cabe observar que 6.3% dos que responderam disseram que não estão fazendo nada para reagir. Já 32.5% disseram que estão buscando outra opção dentro da fotografia. Enquanto 21.4% dizendo que buscam opções fora da fotografia (número que bate com um indicador de uma pesquisa internacional feita nos EUA). Um ponto interessante: 26.2% dizem que estão aproveitando para estudar. Entre as inúmeras outras respostas sem tanta representatividade estão edições de fotos para colegas, renegociação com clientes, design gráfico para terceiros, curso online, etc.

 

6 – Você está fazendo ensaio remoto ou pensa em fazer?

Observação: Curioso notar que só 9.4% dos que responderam estão fazendo ou pensam em fazer ensaio remoto. Com quase 70% dizendo que não vão fazer. Já 21.7% dizem que talvez façam. Esse dado faz sentido pensando que a fotografia em sua essência é um ato presencial. Contudo, esse avanço do ensaio à distância mostra uma adaptação rápida de muitos fotógrafos em nosso mercado.

7 – A fotografia impressa está ajudando seu negócio?

Observação: aqui notamos que a fotografia impressa vem sim ajudando negócios de fotografia em diferentes áreas. 37.5% dizendo que ajudou de alguma forma. Quase 60% dizendo que não ajudou de forma alguma. O que é importante aqui é que talvez muitos fotógrafos e empreendedores não estejam considerando ou abordando essa alternativa do produto impresso de uma forma correta.

 

8 – você espera que o quadro melhore em termos de vendas e negócios?

Observação: aqui um termômetro do otimismo ou pessimismo geral. Quase 16% esperam que melhore o cenário em até três ou quatro meses. Quase 35% acreditam que só melhora em 2021. Já 34% acreditam que vai melhorando aos poucos até o fim do ano. E 11% dizendo que não conseguem avaliar quando melhora. E finalmente 3% disseram que em um mês melhora.

 

9 – Está investindo em ações de marketing para atrair e manter clientes?

Observação: aqui são as ações para atrair e manter clientes. 48.4% dizendo que sim, estão investindo em ações de marketing. Por outro lado 46.8% disseram que não estão fazendo nada. As outras respostas indicam questões como falta de tempo e busca por outras alternativas.

 

10 – Pensa em parar com a fotografia se o cenário não melhorar? ou piorar?

Observação: De acordo com a pesquisa 62.7% disseram que não pensam em abandonar a fotografia. Enquanto 11.1% pensam em abandonar. E 26.2% talvez abandonem. Ou seja, mais de 37% dos que responderam consideram sair do ramo caso o cenário não melhore ou piore ainda mais.

Pedimos para quem quisesse deixasse algum comentário. Veja as respostas anônimas.