Conheça o Mercado FHOX! O marketplace especializado no mercado de fotografia e imagem!


Pandemia abre oportunidades em diferentes áreas da fotografia

(Crédito: iStock)

Fotógrafos buscam se reinventar para continuar ativos nestes tempos de crise

O setor da fotografia foi apenas mais um a ser fortemente afetado pela pandemia do Covid-19. Com o isolamento social e o cancelamento de diversos eventos, muitos fotógrafos se viram encurralados e sem oportunidades de trabalho por muito tempo. Contudo, os profissionais da área também enxergaram uma oportunidade de se adaptar a essa situação, e, com isso, novas oportunidades surgiram, em meio a esse cenário.

O ambiente virtual se tornou o principal protagonista de muitas profissões, e na fotografia não foi diferente. Sem a possibilidade de ir às ruas capturar momentos, fazer ensaios ou fotografar eventos variados, muitos fotógrafos se reinventaram e passaram a explorar os principais recursos digitais em evidência para garantir o sustento. Um deles são as videochamadas, que passaram a ser utilizadas para realizar ensaios virtuais.

Um ensaio virtual poderia ser algo inimaginável antes da pandemia, mas hoje já é algo recorrente na vida de alguns fotógrafos. A ideia é simples: o profissional faz uma chamada de vídeo com o cliente, seja por WhatsApp ou Zoom, e tira prints da tela enquanto o modelo faz suas poses. Depois, é só editar as fotos e deixá-las mais bonitas para entregar o trabalho. A vantagem é justamente a possibilidade de fazer tudo de forma remota, permitindo fazer mais de um ensaio por dia, sem sair de casa.

Já quem trabalha com eventos se viu em uma situação mais difícil, já que essa não é uma medida tão facilmente solucionada pelo ambiente digital. A solução que muitos encontraram foi investir em fotos publicitárias de produtos, alimentos, perfis corporativos, empresários, advogados, etc. Na internet, existe todo um mercado de fotos básicas para diferentes fins; então, ao usar determinadas plataformas, é possível vendê-las para qualquer pessoa do mundo.

Quem trabalha com o lado mais artístico da fotografia ainda vem enfrentando dificuldades. Ao mesmo tempo que a pandemia apresentou muitos momentos únicos, o isolamento social também tirou muitas oportunidades dos artistas, então essa já é uma categoria mais complicada de se manter atualmente.

De uma forma ou de outra, boa parte desses profissionais são autônomos e viram nisso uma oportunidade para regularizar seu CNPJ e expandir seu catálogo de serviços. Quando a pandemia acabar, nada disso será perdido e todos poderão retomar suas velhas rotinas, mas ainda oferecendo todas essas novas possibilidades que surgiram ao longo desses quase dois anos.