Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

O criativo mercado das Fotocabines

cabine7
Snaptique: trailer reformado dos anos 50 funciona como fotocabine

The Photo Booth Lounge e Snaptique trazem dois formatos distintos. A primeira tem a explicação no próprio nome. Um verdadeiro lounge que fica no meio da festa e gera fotos impressas na hora.

cabine5
O lounge no meio da festa. Até 12 pessoas podem entrar e fazer retratos

A The Photo Booth Lounge é de Las Vegas (terra das festas e cassinos e considerada capital mundial de casamentos). O modelo de negócio funciona com locação e prevê todos os “props”, personalização da identidade dos prints e compartilhamento nas redes sociais.

cabine4

Diferente de outros formatos de fotocabine, a Photo Booth Lounge traz um espaço mais amplo dentro de uma salinha inflável. As cores podem ser personalizadas e os equipamentos usados são: reflex Canon para os retratos, Tela de 22 polegadas, impressora de eventos, sistema de iluminação compacto e apetrechos. Segundo a empresa cabem 12 pessoas ao mesmo tempo. Um diferencial para estimular a “bagunça”.

cabine1
Vintage: a câmera artesanal para autorretratos divertidos na festa

Já a canadense Snaptique trabalha com o apelo retrô. A empresa diz que seu equipamento é artesanal. O equipamento básico é o Vintage. Trata-se de uma câmera que parece até daquelas de médio formato e com o sistema de iluminação no topo do aparelho. A marca atua com vários pacotes por tempo determinado e número de fotos. Além de dispor de fundos e outros itens extras.

A segunda opção de produto é o Airstream. Mais do que uma fotocabine, um trailer “antigão” que pode ser levado para festas e todo decorado e com estilo dos anos 50.

Dois cases desse segmento que não para de crescer e inovar tanto aqui quanto lá fora.