Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Mais uma movimentação importante da ABEFORM para ajudar o setor de formaturas

Michel Bruce (Aquarela Fotografias) e Renato Filgueiras (Viva Eventos). ABEFORM presente para ajudar o mercado de eventos. Foto: ABEFORM

Essa semana foi intensa para os empresários e associação do setor de eventos. Ocorreu um café da manhã (Café Parlamentar) nessa manhã de quarta (10) e que começou na segunda como parte da Missão ABRAPE. No evento foi apresentado o PERSE (Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos. Uma iniciativa que reuniu senadores e deputados com os empresários que trabalham e movimentam o mercado de festas no país. A ABEFORM (associação brasileira das empresas de formatura) está em Brasília com a presença do presidente Michel Bruce. Ele enviou um vídeo comentando sobre o encontro e sua importância para o mercado. Lembrando que as festas de formaturas e colações são muito importantes para os formandos e movimentam toda uma indústria (e a fotografia junto). Lembrando que a pandemia extinguiu direta e indiretamente mais de 450 mil empregos nos últimos meses por conta da pausa nas festas e eventos em geral. Vale mencionar ainda que o movimento e o encontro de Brasília foi possível graças ao esforço coletivo com a Missão ABRAPE (Associação Brasileira dos Promotores de Eventos) que aglutinou os esforços unindo forças com as entidades de cada segmento (entre elas a ABEFORM).  O secretário da Cultura, Mário Frias, e o secretário de Fomento e Incentivo à Cultura, André Porci, anunciaram nesta terça investimento de R$ 406 milhões no setor. Os encontros com a Abrape com o governo são um esforço na aprovação do Projeto de Lei que cria o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos — PERSE, de autoria do deputado federal Felipe Carreras (PSB/PE). Se aprovado prevê uma série de medidas para apoiar e incentivar o setor. Em tempo: o Ministério da Economia deixou de fora o setor de eventos como um dos grupos mais afetados pela pandemia da covid-19 na lista publicada (Diário Oficial da União) setembro em 2020. Decisão que impactou ainda mais um setor muito afetado diretamente pela pandemia. 

A ABRAPE divulgou nota oficial sobre o encontro e sobre as medidas de auxílio ao mercado: 

O Governo Federal vai destinar R$ 406 milhões em recursos para empresas do setor de eventos de cultura e entretenimento no país.

O anúncio foi feito na manhã desta terça (9) pelo secretário Especial da Cultura, Mário Frias, e pelo secretário Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura da, André Porciuncula, durante a Assembleia Geral da MISSÃO ABRAPE.

Os recursos serão destinados por meio de linhas de crédito do BNDES. O secretário de Fomento e Incentivo à Cultura disse, ainda, que a ABRAPE poderá ser parceira no processo, ampliando o número de empresas inseridas na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAES) que possam acessar os créditos. Adiantou, ainda, que a liberação deve ocorrer ainda neste primeiro semestre.  www.abrape.com.br