Negócios 1 ano atrás | Redação

Lily Drone volta para o jogo

O drone inteligente que voa e fotografa automaticamente retorna para o mercado

por Revista FHOX

Featured-Lily-2017-672x372

Lily Drone surgiu faz alguns anos como um dos primeiros drones com recursos automáticos. Ele consegue seguir o dono e filmar e fotografar sozinho. Era só jogar para cima e deixar ele trabalhar. Lançado em um plataforma de financiamento coletivo, vendeu muito acima da meta (mais de 45 milhões de dólares).

Os usuários e investidores ficaram empolgados. Só que depois de um tempo vieram os atrasos e os problemas se acumularam. Para completar, a marca decretou o fim das operações em janeiro passado. E ainda com direito a processo e acusações de fraude e desvio de dinheiro. Os compradores (centenas) nunca receberam o Lily Drone (só reembolso).

compact_drone

Pois agora a empresa retoma as atividades com novo dono e uma nova versão de drone. O comprador é Mota Group. A aquisição custou 750 mil dólares. O Lily Drone Next Gen chega em novíssima versão com design renovado, vídeo 4K e recursos inteligentes.  Lily Next-Gen chega com melhorias. Vídeo em 4K, câmera com 13MP, cartão de memória com 16GB, bateria extra que dobra o tempo de voo e peso de pouco menos de 400 gramas. Diferente da versão original, o drone não é à prova d’água e autonomia de voo é de 18 minutos (antes eram 20 minutos).

Saiba mais: Lily Drone Next Gen