Negócios 2 semanas atrás | Leo Saldanha

Criatividade, experiência e marketing

Case da Verve Portraits da Austrália mostra que é possível combinar um estilo criativo com uma estratégia de negócios bem amarrada

por Revista FHOX

 

O novo episódio do FHOXCast traz a força do básico e como a experiência tem poder. O case da Verve se encaixa de exemplo ideal nesse sentido. A empresa conta com 6 unidades espalhadas pela Austrália. Por lá, ela concorre com alguns dos melhores fotógrafos de família do mundo. Para conseguir atrair e manter clientes, a empresa vende uma experiência. Ao entrar no site, o cliente já assisti a um vídeo que faz refletir. Fora do que normalmente vemos por aí, o filme traz um pai atarefado que não está aproveitando a família direito. Ele decide viver uma experiência de retrato de família com os filhos e a esposa. O resultado mostra toda a experiência até o produto final pendurado na parede. Os outros vídeos da marca no YouTube e outras redes sociais segue a mesma linha. Venda de experiência.

 

Ouça clicando aqui: O poder da experiência (só não esqueça do básico) 

A Verve serve de exemplo sob vários aspectos:

 

– Combinação do on-line com o mundo real. Quem entra no site da Verve percebe a preocupação da marca com a experiência do cliente mesmo no ambiente digital. Dá para agendar tudo on-line.

– A questão da experiência é tão levada a sério que cada unidade conta com um profissional responsável “pela experiência do cliente”. Além disso, cada estúdio possui gerente, diretor de arte, designers, fotógrafos, etc. São 140 funcionários.

– Mimos para os clientes servindo champanhe para a mãe e cerveja para o pai (ou vice-versa).

– Ambiente moderno e decorado com os próprios produtos que a marca vende.

– o enfoque em pet, família, newborn e gestante. A ideia é ser o estúdio da família.

 

Uma das unidades na Austrália. Preocupação em mostrar os produtos e nos mínimos detalhes

– o estilo fotográfico é bonito, moderno e atraente. Para poder competir com os grandes fotógrafos daquele país só assim mesmo. O trabalho é premiado com reconhecimento de diversas premiações.

– vende coleções e tudo pensado em diferentes investimentos. Com opções de álbuns, embalagens e múltiplos tipo de acabamento e afins.

– informação e venda consultiva. A Verve Portraits não se furta de oferece ampla base de informações sobre os produtos que ela vende. Explicando em texto e em vídeos o que é, como funciona, etc.

 

O novo episódio da Escola de Negócios FHOX mostra pesquisas que indicam a força do básico que muitas vezes é esquecido por quem quer vender e só pensa nisso. Os números de uma pesquisa da Harvard Business Review e da Price Cooper Waterhouse são indicativos importantes e abordam a realidade nacional. Um resumo: os consumidores só querem ser bem atendidos e passar por uma experiência. Como está seu negócio nesses quesitos? https://verveportraits.com.au/

 

Marca enfoca diferentes tipos de coleções para decorar a casa dos clientes.
Decoração com fotos é o alvo principal
Existe um pacote só digital, mas que mesmo assim prevê algumas cópias. Cuidado inclusive com a embalagem personalizada
Outra unidade da rede. Ambiente que proporciona conforto e faz parte da experiência
Marca conta com 6 unidades espalhadas pela Austrália. Um negócio que cresceu no boca a boca
Colação de múltiplas gerações. Reunir toda a família é certamente uma experiência marcante por si só
a concorrência na Austrália é de alto nível. Logo, mesmo sendo uma marca a Verve Portraits apresenta os fotógrafos e todas as equipes no site. Uma forma de dar cara para o time e mostrar que as pessoas serão atendidas por pessoas

FHOXCast é o podcast da FHOX. Comandado por Leo Saldanha (publisher da FHOX), o programa aborda notícias, tendências e assuntos relevantes do ramo fotográfico. Em um formato diferenciado, a ideia do FHOXCast é levar informação em um canal dinâmico e cada vez mais popular para quem gosta de se informar. “Criamos o FHOXCast porque muitos leitores perguntavam sobre a nossa participação nessa mídia. Fizemos uma pesquisa durante alguns meses e identificamos o formato ideal. A ideia é fazermos programas com temas definidos. Ao invés de entrevistas, vamos consultar várias fontes. Não só fotógrafos, mas também empreendedores, gente da indústria e especialistas de outras áreas” diz Leo Saldanha.

O próximo episódio especial da semana que vem vai abordar as oportunidades e ameaças de 2019.

Ouça também na sua plataforma de podcasts preferida.  Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Sticher , entre outras. 

FHOX: mais que uma revista, uma ferramenta indispensável para quem vive fotografia

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.