Negócios 1 ano atrás | Leo Saldanha

As últimas notícias sobre o negócio da Kodak Alaris

Site australiano Inside Imaging trouxe mais informações sobre a possível venda e mais dados referentes ao relatório financeiro

por Revista FHOX

O site de fotografia Inside Imaging aborda mais assuntos relacionados a impressão e varejo fotográfico. A notícia mais recente postada no último dia 21 de novembro aborda como estaria a situação da Kodak Alaris. Segundo a publicação, a Kodak Alaris revelou em seu relatório anual que a divisão de negócios de papel, fotoquímicos e filmes (PPF) seguem disponíveis para venda. Outras unidades de negócios também possivelmente estariam na mesma condição. O que a matéria mostra é que o comprador que estava prestes a fechar o negócio comprando a marca acabou retirando a oferta no último instante da negociação. A FHOX tinha dado a notícia no começo do ano, mas desde então nenhuma outra informação foi divulgada. O artigo da Inside Imaging indica outros pontos do momento da marca. Como por exemplo, que a área Kodak Moments representa 43% das vendas da Kodak Alaris e que a parte de PPF representa pouco menos de um quarto no faturamento geral.

Vale lembrar que a notícia dada pela FHOX trazia a afirmação de que o CEO da empresa, Marc Jourlait, teria avisado os principais clientes do mundo da Kodak Alaris que alguns dos ativos da companhia estariam em fase avançada de negociações com potenciais compradores. Naquele momento a expectativa era de que a venda ocorresse até o fim de março.

Os detalhes da Inside Imaging trazem ainda as seguintes informações:

O último relatório financeiro da Kodak Alaris fornece uma atualização da venda da área PPF:  Os ativos e passivos relacionados foram classificados como mantidos para venda, com o negócio de PPF declarado como uma operação descontinuada em 31 de março de 2018. Na data da assinatura das demonstrações financeiras, o licitante preferencial retirou sua abordagem – no entanto, a administração permanece comprometida com a operação. planeja vender e, de acordo com as instruções recebidas do acionista, uma venda deve ser concluída durante o exercício financeiro até 31 de março de 2020.

Ou seja, a nova data para que a transação ocorra é até o fim de março no ano que vem. Ainda de acordo com o relatório, a venda de partes da Kodak Alaris aparece como um dos objetivos principais da administração da empresa. Outro é a “recuperação e transformação”. Em outra parte do relatório anual aparece o seguinte dado: ‘ A conclusão bem-sucedida da venda dos negócios de PPF no próximo ano e o progresso de um processo potencial de vendas mais amplo permanecerão um foco crítico para o Conselho e a equipe de gerenciamento’.

Importante destacar que a Kodak Alaris parece em boa situação financeira nesse momento. A começar pelo bom resultado com a venda de filmes fotográficos que obteve crescimento de quase 30% no último ano. Enquanto a área do Kodak Moments teve uma pequena redução de 2% na impressão (dye-sublimation) de fotos nos quiosques e impressoras em comparação com o mesmo período de 2018 (passou de 24 para 22%). E no geral, as vendas foram bem. Com resultado geral de 656 milhões de dólares em vendas totais em 2019, lucro bruto de 202 milhões de dólares e prejuízo operacional (após impostos) de 40 milhões. Um bom resultado levando em consideração que no anterior o prejuízo após os impostos tinha sido de 191 milhões de dólares. O EBITDA foi de 48 milhões de dólares. A matéria diz também que o novo modelo de trabalho e operação da Kodak Alaris caminhou mais para a terceirização. Com uma ressalva apontada pelo texto: justamente o Brasil. Já que a operação com acabamento de papel segue operando em Manaus. No fim, o que o relatório indica claramente é que a Kodak Alaris quase foi vendida e que isso segue como uma possibilidade iminente até março de 2020.

Leia também: R.U.M.O – uma novidade da Escola de Negócios Fhox

APOIE O MELHOR CONTEÚDO!
A MISSÃO DA FHOX SEGUE A MESMA FAZ 30 ANOS. NOSSO OBJETIVO É LEVAR INFORMAÇÃO ÚTIL E DE QUALIDADE PARA AJUDAR OS LEITORES QUE ATUAM E APRECIAM A FOTOGRAFIA. A FHOX É MUITO MAIS DO QUE UMA REVISTA, TRATA-SE DE UMA PLATAFORMA INTEGRADA QUE OFERECE CONTEÚDOS EM DIFERENTES CANAIS (SITE, IMPRESSO, EVENTOS, VÍDEOS E PODCAST). UMA CENTRAL DE INTELIGÊNCIA DE MERCADO PARA FOMENTAR AS MELHORES PRÁTICAS E NEGÓCIOS DA FOTOGRAFIA. ASSINE A FHOX! E NOS AJUDE A CONTINUAR CRIANDO MELHOR INFORMAÇÃO PARA VOCÊ