Conheça o Mercado FHOX! O marketplace especializado no mercado de fotografia e imagem!


3 fatores decisivos no desenvolvimento do produto impresso na fotografia

A verdade é que imprimir fotos é algo que foge do comportamento dos consumidores hoje, daí a importância de olhar para um olhar estratégico sobre o assunto

Pesquisas no passado já indicaram que só 10% das pessoas com smartphone teriam interesse real em imprimir fotos. O estudo é de 2015 e pode até ser ultrapassado levando em conta que o mundo está cada vez mais conectado. Contudo, uma abordagem distinta pode trazer outra ótica sobre o assunto. O ponto aqui é avaliar o que move uma pessoa a querer uma foto no papel e o que podemos fazer sobre isso. 

1 – Emocional: A foto importa para mim. Aqui entra algo que movimenta não só o mercado de impressão mas a fotografia como um todo. São imagens marcantes de eventos importantes. Como festas especiais (aniversários, formaturas, casamentos, parto, batizado, etc). A foto que importa para a pessoa depende do seu momento de vida e tem relação direta com aquela cena em que ele está envolvido. Um passeio no parque com a família pode gerar 50 fotos no smartphone, dessas quantas essas pessoas imprimiriam? O que podemos tirar desse comportamento? Que as fotos caem em volume de oportunidade de impressão e isso pede um olhar para diferenciação. De pensar como fazer que as poucas fotografias impressas se tornem produtos únicos, personalizados. 

2 – Racional: não quero perder esse arquivo. O smartphone ou nuvem lotada de imagens e a pessoa não tem mais espaço. Ela precisa decidir quais imagens serão deletadas. Se torna muito comum vermos pessoas deletando até imagens que poderiam ser impressas e que são de momentos marcantes. Nesse caso, cabe aos empreendedores entender como pode criar um serviço ou produto que dê espaço para impressão e que isso seja feito de preferência com alguma conexão com os itens 1 e 3. 

3 – Eu quero ser surpreendido. As pessoas não sabem muitas coisas sobre foto impressa. Algumas nem sabem que dá para imprimir e porque isso é valioso. Elas não sabem que uma foto no papel pode ser personalizada com música, com vídeo e que pode ser feita em diferentes substratos. Aqui cabe entender o comportamento do consumidor para tentar encaixar uma oferta de valor. O exemplo disso foi quando alguém entendeu que um porta-retrato com trilha sonora do Spotify com a música sensível para aquele cliente seria uma boa ideia. E de fato foi, hoje é um produto campeão de vendas no mundo todo. 

Outros fatores como status e vaidade também poderiam entrar nesses argumentos, mas creio que nesse caso possam ser abordados em outra ocasião. O importante é entender a necessidade de quem consome a fotografia. As pessoas fotografam o tempo todo nas suas rotinas e também nos momentos de prazer. A questão é que elas não precisam e nem querem todas essas imagens no papel. 

Produto é legado e parte fundamental do marketing na fotografia. Se precisar de ajuda com isso conte com o Programa de Inovação e Criação Foto+Produto. Saiba mais aqui:  P.I.C. Foto+Produto