Negócios 1 semana atrás | Leo Saldanha

3/3/3+1: a receitinha mágica do sucesso na fotografia

Todos gostam de uma fórmula fácil de como se dar bem na fotografia. A Escola de Negócios FHOX apresenta uma jornada de 10 passos que vão acabar com todos os seus problemas. Claro, se você tiver bom humor e entender ironias...

por Revista FHOX

São 10 passos simples em 4 fases diferentes. Fase 1 (virei fotógrafo). Fase 2: (vou dar show). Fase 3: (virei estrela). Fase 4: O final é o começo. Um plano de 10 pontos tão inovador que você pode até começar pelo fim. Embora a gente recomende seguir o passo a passo do revolucionário método 3/3/3+1.

Vamos a primeira fase: Virei fotógrafo!

1 – Compre a câmera. Se você já tem uma câmera parabéns. Pule para a próxima etapa.

2 – Crie um site e redes sociais. Se você já tem isso parabéns. Pule para a próxima etapa.

3 – Poste fotos maravilhosas que vão encantar clientes. Se você já tem isso parabéns. Pule para a próxima etapa.

Fase 2 – É hora de dar show!

4 – Prepare-se para os clientes que vão te procurar para fazer fotografias esplêndidas para eles. Se você não tem clientes volte para o passo 3! Se você já tem clientes parabéns. Passe para o próximo passo.

5 – Entregue as fotos para os clientes e espere que eles falem do seu trabalho e tragam novos clientes em busca de fotos sensacionais. É só esperar para a fase 4 se repetir. Ou seja, prepare-se para clientes que vão te procurar para fazer fotografias esplêndidas para eles. Se os clientes não vierem volte para o passo 4 e espere. Observação: essa etapa pode demorar muito. Espere aqui até passar desse ponto.

6 – Vá trabalhando as fases 4 e 5 de forma frenética até ter o maior volume possível de trabalho. Resumindo: busque sempre mais e novos clientes. Qual o limite? Depende da sua saúde física e mental. Conseguiu resistir? Passe para a próxima fase. Importante: não quer trabalhar tanto desse jeito? Volte para o passo 3 e fique por lá. A diferença é que você só vai criar fotos incríveis e deve cortar a palavra “clientes” da frase.

Fase 3 – Virei estrela

7 – É hora de aparecer. Se você passou o ponto 6 pode começar a vender sua história de sucesso e mostrar como os outros terão os mesmos resultados. Essa etapa é pode ser dolorosa pois muitos vão te criticar. Alguns dirão que é o preço do sucesso e vão concordar que você é referência e outros dirão que você virou empreendedor de palco e que é mais marketeiro do que fotógrafo.  Se você não gosta de aparecer pode pular para o passo 8. Se você gosta de aparecer só cuidado com a super exposição. Marcas, produtos e também pessoas podem esgotar a imagem. O ciclo de vida de um produto vale até para você!

8 – Você cresceu seu negócio e criou uma marca reconhecida no mercado. Parabéns. Agora você é uma referência. Viu como é fácil (foi só seguir os outros 7 passos). Como tal, agora você deve estar preparado para lutar contra a concorrência, valorizar seus produtos e o negócio como um todo. É bem simples tudo isso. Se você pulou a etapa 7 e não gosta de aparecer prepare-se. Chegou a hora de saber lidar com isso. E lidar com o stress constante de se manter aonde chegou. Lembrando que o “trabalho frenético” segue com tudo. Se você não gostou dessa fase 3 volte para a etapa 6 e fique por lá sem aparecer. Seja como for é trabalho pesado.

9 – Essa penúltima etapa é o auge. Você completou o 3/3/3 (falta só mais 1). Aqui você chegou em um patamar em que sente que é praticamente um semideus da fotografia. Sua assinatura visual e seu nome te levaram ao mais alto ponto do mercado fotográfico. Agora você sente que pode tudo.  Questões como preço, clientes e concorrência parecem coisa do passado. Aqui a sensação é de que vida será muito mais fácil e você ultrapassou as barreiras que separam os outros negócios de fotografia do grande templo dos vencedores. Se você não gosta de nada disso pode voltar para o item 3 ou 6. Ou simplesmente pule para a última etapa.

Fase 4 – O fim é o começo!

10 – Se já veio direto e pulou toda a lista…então você está de parabéns. Essa é a fase mais difícil. Aqui é algo que você já sabe. De cair na real porque você já sabe (ou deveria saber) que não existe uma fórmula pronta ou receitinha mágica para viver da fotografia. De entender que qualquer negócio de qualquer segmento do ramo envolve trabalho pesado todo dia. E que você vai ter que estudar muito, se organizar e colocar a mão na massa. Tanto faz se você está começando ou já é veterano. O trabalho é intenso sempre. Questão de (re)posicionamento e muito mais. Tudo isso passa pelo marketing quer você queira ou não.

Precisa de ajuda sem receitinha mágica ou fórmula pronta? Então conheça a novidade da Escola de Negócios FHOX clicando aqui: R.U.M.O.