Smartfhox 2 anos atrás | Diogo Amorim

Segundo estudo, jovens trocam Facebook por Instagram e Snapchat

Segundo eMarketer, número de adolescentes ativos no Facebook vai diminuir, puxando para baixo o crescimento total da rede social em comparação com outras

por Revista FHOX

O Facebook é uma febre agora, mas até quando vai ser? Parece que o reinado da rede social está prestes a chegar ao fim. Tudo isso porque, segundo estudos divulgados pela empresa eMarketer, adolescentes e jovens adultos dos Estados Unidos migraram, aos poucos, do Facebook para o Instagram e o Snapchat – sim, ele mesmo! – atraídos pelo perfil mais visual destas redes sociais.

Facebookbombuscreative/iStock

O estudo ainda aponta que na faixa de 12 a 17 anos, o número de “usuários mensais ativos” (que entram ao menos uma vez por mês) do Facebook nos Estados Unidos “diminuirá 3,4% em comparação com 2016, para 14,5 milhões”, uma redução que se acelera, pois a queda no ano passado foi de apenas 1,2%.

A diminuição entre os mais jovens “puxa para baixo” o crescimento do número total de usuários do Facebook, que se espera que aumente 2,4%, até 172,9 milhões de pessoas, nos EUA. Segundo a eMarketer, o Instagram – que é do Facebook – e o Snapchat se beneficiam deste desinteresse.

Instagram

Instagram7

Os usuários do Instagram aumentarão 23,8% em 2017, até chegar a 85,5 milhões, dos quais 22,1 milhões terão entre 18 e 24 anos. Os menores de 12 anos aumentarão 19% e os que estão na faixa de 12-17 anos aumentarão 8,8%, segundo a eMarketer. Lembrando que além da função de compartilhar imagens de modo simples, a rede social implementou o Instagram Stories, funcionalidade que permite a postagem de fotos que ficam acessíveis por 24 horas. A ideia foi baseada no Snapchat, concorrente direto da aplicação.

Snapchat
snapchatWachiwit/iStock

A pesquisa de mercado prevê também que a quantidade de usuários do Snapchat nos Estados Unidos crescerá 25,8%, chegando até 79,2 milhões, um aumento impulsado pelos jovens de 18 a 24 anos – a eMarketer prevê que, pela primeira vez, adolescentes e jovens adultos serão mais numerosos no Snapchat do que no Facebook ou no Instagram.

Vale ressaltar que mesmo com essa debandagem do Facebook para o Snapchat, a última perdeu boa parte de seus usuários depois que a marca de Mark Zuckerberg apostou no Instagram Stories.