Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Nesse dia na fotografia…

A data de 26 de novembro de 1948 celebra o lançamento da primeira câmera instantânea da história. Pode parece coisa pouca, mas muitos especialistas consideram a Polaroid a primeira rede social com tecnologia. Isso porque as fotos eram impressas no momento e compartilhada no instante com mensagens para amigos e familiares. E pensar que tudo começou com a provocação da filha de Land que perguntou ao pai porque não podia ver fotos na hora. Land faleceu no começo dos anos 1990 com mais de 500 patentes. Um visionário que foi uma espécie de guru para Steve Jobs.

1955 Polaroid Land Camera Advertisement Print Ad Poster Black | Etsy

O primeiro modelo de Polaroid foi uma câmera 95 A que custava naquele dia de lançamento em 1948 cerca de 90 dólares (o equivalente hoje a 900 dólares). A primeiríssima unidade vendida foi em uma loja de departamento de Boston (Jordan Marsh). Nos últimos dez anos não só a Polaroid, mas também a Fujifilm, viram as vendas de câmeras instantâneas crescerem de forma vertiginosa. Entre jovens, mulheres e famílias.

O encanto de gerar uma foto única, na hora e que pode ser usada para decorar, presentear e comunicar ideias e criar projetos inusitados. Hoje tanto as câmeras da Fujifilm quanto da Polaroid trazem recursos híbridos que combinam a fotografia digital com impressão na hora. Algo que começou faz 72 anos e que segue firme forte como legado fotográfico e comprovação da força da fotografia impressa.

Leia também: O que a Polaroid pode nos ensinar sobre a importância do produto?