Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Os fotógrafos que vieram do espaço

337001main_pg14_as12-49-7278_full

Um artigo recente da Wired indicou o livro Apollo VII – XVII de Simon Phillipson, Delano Steenmeijer, Floris Heyne e Joel Meter.

Eu sou um grande fã de ficção ciêntifica, tanto livros quanto filmes. Logo, fiquei muito curioso para tocar esse photobook com fotos históricas (e bastidores) marcantes da conquista e da cobertura fotográfica da lua.

AS16-114-18424

A publicação traz mais de 200 fotos. Um relato em fotos de um dos momentos mais fascinantes dessa história.

download

O time de autores trabalhou pesado na curadoria e restauração (usaram Photoshop e Lightroom). Passaram um ano restaurando fotos da NASA e dos arquivos da Hasselblad (Suécia). Também resgataram fotos da coleção pessoal do astronauta Walter Cunningham. O processo de renovação visual tinha o objetivo de valorizar o realismo das fotos. Afinal, fotos impressas pedem a mais alta qualidade.

download (1)

A matéria da Wired destaca as agruras da agência especial norte-americana com a fotografia. Quando na verdade, a grande preocupação era chegar lá e voltar vivo. O quesito fotografia não ajudava muito. Pois as câmeras eram muito grandes e complexas. Sem esquecer que cada grama de peso fazia uma enorme diferença no sucesso das missões. Resultado: as câmeras evoluíram.

160221_Nasa_Spread_Example4

Eu não podia imaginar que um dos astronautas chegou a chorar quando foi informado que não poderia levar sua Hasselblad lunar de volta para casa. Não foi uma, mais várias Hassel que ficaram na lua (12 para ser exato). Fico imaginando a câmera lá parada esperando alguém retornar para um novo clique. Ou quem sabe um ET encontre uma delas…

E até fotografia de família ficou por lá…

Fotografia da família. Deixada no solo lunar pelo astronauta Charles Duke da Apollo 16. Ele escreveu na parte traseira..."This is the family of astronaut Charlie Duke from planet Earth who landed on the moon on April 20, 1972."
Foto de família deixada no solo lunar pelo astronauta Charles Duke da Apollo 16. Ele escreveu na parte traseira…”This is the family of astronaut Charlie Duke from planet Earth who landed on the moon on April 20, 1972.”

A importância da fotografia para a NASA era tamanha que até criaram um Chief of Photography. Alguém que tinha como missão fazer as devidas melhorias e testes nos equipamentos. O treinamento fotográfico dos astronautas também era parte da rotina. Richard underwood foi o primeiro a encabeçar esse cargo e ensinava os astronautas a fotografar pensando sempre no espaço sideral. Ele até encorajava os astronautas a levarem os equipamentos para casa para testar. Lembrando que eram equipamentos analógicos. Os astronautas traziam do espaço só o back com o filme para revelar.

836d0e8305d226e2651abff217dad0f914408031_131014_body2_3

Top+1

O estudo dessa documentação envolveu não só os astronautas, mas também cientistas e os engenheiros da NASA. Algo fundamental na coleta de dados (com imagens) para todos os estudos. Serviu ainda para capturar os momentos e expressões dos astronautas. O processo de evolução da fotografia e a importância dos registros foram intensos. As câmeras Hasselblad foram adaptadas para facilitar os cliques espaciais. O quanto a fotografia como conhecemos hoje ganho com isso. Imagino que muito. A evolução da fotografia espacial certamente impactou na sofisticação da fotografia como conhecemos hoje…

earthrise

Achei curioso que a NASA tenha criado um manual que indicava “alvos de oportunidade” para fotos no espaço. A julgar pelas imagens que foram geradas nesse livro, sobraram oportunidades. O que você fotografaria se estivesse na lua ou na órbita do planeta?

Spread31

Se quiser saber mais ainda leia essa entrevista fantástica com um dos astronautas fotógrafos (em inglês).

https://www.jsc.nasa.gov/history/oral_histories/UnderwoodRW/UnderwoodRW_10-17-00.htm