Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

CoinaPhoto: uma engenhosa plataforma que promove duelos fotográficos

Fundada em 2015, a Coinaphoto é uma plataforma global que conta com mais de 200 mil fotógrafos de 150 países. O acervo até agora possui 55 milhões de imagens cadastradas. Funciona como um banco de imagens, com a diferença usa desafios e engajamento para recompensar os fotógrafos registrados no marketplace. A ideia central clássica é de conectar fotógrafos com marcas e agências. O que é distinto é que os profissionais ganham comissões mais generosas. No caso da Coinaphoto a comissão é de até 70%. Para quem vende é bom e para as marcas que compram o valor de investimento é mais baixo.

O formato do negócio é inovador sob vários aspectos. “Coinaphoto incentiva o usuário ao engajamento graças aos jogos e desafios. A foto que competir e tiver a maior votação dos próprios participantes da ferramenta será a grande vencedora. O ganhador não ganha dinheiro, na verdade fatura “Coinaphoto tokens” (a moeda digital dentro da plataforma). E na medida que cresce em popularidade também sobe no ranking geral” disse Shahab Mirza, CEO da Coinaphoto. O modelo de duelos fotográficos (pagos) foi batizado de Photoduels. Uma modalidade que obteve 17 mil participações e gerou 1.6 milhões de votos dentro da comunidade.

A comunidade funciona justamente por conta desse conceito de pagar devido ao engajamentos e aos duelos fotográficos. Algo que o CEO da Coinaphoto chama de “social revenue”. Cada fotógrafo batalha com um foto inserindo junto a moeda Coinaphoto token. O conceito do negócio está amparado em pagar pela participação. No fim, é como se fosse uma rede social misturada com banco de imagem e que remunera os fotógrafos. Parece justo.

A empresa abriu uma campanha de financiamento coletivo em busca de 2.5 milhões de reais para expandir a operação. Com o investimento, a empresa espera transformar a Coinaphoto Token em uma criptomoeda usando tecnologia blockchain. O que vai descentralizar a comercialização, tirar qualquer intermediação e estimular a relação entre os fotógrafos e marcas dentro do marketplace. A ideia do CEO é expandir com força globalmente o serviço com esse apelo de não centralizar as negociações. Coinaphoto está com escritórios em Dubai (Emirados Árabes Unidos) e Dublin (Irlanda). O case da Coinaphoto é um exemplo claro dessa nova fase da fotografia como moeda digital. Saiba mais: https://www.coinaphoto.com/

Leia também: será que o blockchain vai revolucionar a fotografia? 

>> Quer conhecer a nova FHOX de graça? 

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.