News 2 semanas atrás | Redação

Câmeras que podem surpreender em 2021

Site TechRadar indicou os modelos mais esperados para esse ano que começa

por Revista FHOX

TechRadar é um respeitado site de tecnologia norte-americano. Em uma matéria recente eles publicaram sobre 12 câmeras aguardadas para 2021 (nenhuma delas confirmadas pelos fabricantes). A dominância é evidente das mirrorless, mas entre os destaques também estão smartphones e drones.

As mirrorless fullframe vem com tudo para novo ano que começa entre todas as fabricantes. O destaque fica para a parte de vídeo.

Canon EOS R7 – A mirrorless fullframe da Canon é mais um possível grande avanço da linha R da Canon. A expectativa é que a nova câmera venha com um sensor APS-C e já inclusive estaria sendo testada por diversos fotógrafos no mercado. Em termos de design tem tudo para ser muito próxima da R6, mas mais compacta e com poderosos recursos para fotografia de esportes e eventos em geral. Tudo indica que será mais rápida e com desempenho superior do que a R6. E com a vantagem de um valor mais competitivo. A R7 deve chegar ao mercado no segundo semestre de 2021. A indicação é que a câmera venha com vídeo 4K/60p. 

A Fujifilm estaria preparando dois modelos para 2021 a X-E4 e a GFX100S

A X-E4 – A linha X-E faz sucesso pela relação custo/benefício. Com excelente desempenho e preço mais acessível do que a linha X-T. A X-E4 deve chegar já nesse começo de ano. Tudo indica que a tela terá avanços e não será mais fixa como a da versão da X-E3. O sensor deve avançar para 26MP (similar a da X-T30). É provável que tenha ganhos também na parte do vídeo já que a Fujifilm vem investindo nisso nos modelos mais recentes. 

Já a GFX 100S também é esperada para esse primeiro semestre de 2021. A diferença para a GFX 100 e segundo os rumores terá a ergonomia mais aproximada da GFX 50S. O sensor de 102 MP dessa médio formato deve ter apelo sobretudo para fotógrafos de paisagem, arquitetura e outros que buscam a máxima qualidade para fotos. Os especialistas indicam que agora que a linha GFX conta com muitas lentes isso seria a consolidação da maturidade dessa categoria no mercado. 

 

Sony A9 III deve ser lançada já nesse primeiro semestre de 2021. O foco será no vídeo em 8K com gravação em 30 quadros por segundo no poderoso sensor de 50 megapixels. A nova e poderosa mirrorless da Sony chegará fazendo barulho e com apelo para fotógrafos e videomakers em 2021. 

Nikon Z30 e Z8 – as duas novas mirrorless da Nikon chegam para marcar uma nova etapa para a fabricante. Ou seja, de que a empresa está levando a sério a categoria das câmeras sem espelho. A Z8 vem com um sensor de 60MP (14fps) e com a tecnologia pixel-shifting conseguirá capturar arquivos de até 240MP. De acordo com os especialistas o modelo fará frente para a D6. 

Já a Z30 vem com sensor APS-C de 24.2MP e filmando em 4K a 30fps. Esse modelo virá como alternativa de entrada e mostra claramente que tanto Nikon quanto Canon estão investindo em versões de mirrorless de entrada para o segmento. 

Panasonic e Olympus – A Olympus foi vendida, mas isso não quer dizer que a marca não terá novidades em 2021. A Olympus Pen pode chegar com algo novo para esse ano, resta saber se a linha PEN vai continuar existindo. A Panasonic GH6 deve chegar até o fim de fevereiro. Vídeo com 4K/60p e talvez em 6K. 

iPhone 13 – a matéria da TechRadar trata do futuro modelo que deve chegar até o fim de 2021. E faz muito sentido olhar para o próximo lançamento da Apple. Basta notar que o iPhone 12 Pro Max não veio com esse termo “Pro” por mero acaso. A marca criou um novo formato Apple ProRaw dando mais controle para os profissionais e muitos estão usando só o equipamento para diversos serviços. Na versão 12 do smartphone da Apple vimos melhorias não só nos arquivos, mas também mais zoom. A flexibilidade na edição das imagens e o poder na combinação das lentes misturadas com os saltos no software indicam claramente o quanto o sistema avançou. Os especialistas esperam que o iPhone 13 venha com uma câmera ultra-wide mais parruda para competir com Huawei e Samsung e outros. Espera-se que o iPhone 13 chegue com mais câmeras e lentes mais claras. 

Drones – a DJI deve lançar o seu primeiro drone FPV (visão em primeira pessoa) já nesse começo de ano. O que representa um dispositivo compatível com os principais óculos de realidade virtual e afins do mercado. Tudo indica que a empresa vai atacar nesse segmento que é mais voltado para competições e que parece tende a crescer no mundo todo nos próximos anos. 

Já a Sony anunciou que vai entrar na briga por esse mercado. Airpeak pode bater de frente com o sistema novo da DJI, mas tudo ainda é muito especulativo. O foco da marca seria nos amadores. O que se sabe é que quando a Sony entra em um mercado é para fazer barulho. O mais curioso é que os sensores usados em determinados modelos da DJI são Sony. 

Fonte: The most exciting cameras of 2021 | TechRadar