2 semanas atrás | Leo Saldanha

A Adobe também avança com inteligência artificial no marketing digital

Nessa semana a empresa anunciou novas soluções com inteligência artificial no programa voltado para marketing digital

por Revista FHOX

Adobe: soluções de criação, de marketing e de gerenciamento de documentos

Na última segunda (12) a Adobe anunciou uma série de novas ferramentas com IA (inteligência artificial) para ajudar no marketing digital. De acordo com a Adobe, as campanhas poderão ser aprimoradas com esses recursos. Essa novidade só reforça o avanço da inteligência artificial nas mais variadas áreas. Especialistas consideram que o setor de marketing digital será um dos grandes impactados por essa revolução.

 

Na prática as funções anunciadas pela Adobe retiram o trabalho manual de analistas de marketing. Importante dizer que esse mercado de marketing digital cresce para a marca da mesma forma que a internet avança cada vez mais. Segundo a matéria da Reuters, o segmento tem crescimento exponencial para a Adobe. Aliás, as ações da Adobe cresceram na bolsa norte-americana 50% em 2020. O que a Adobe está fazendo é criar sistemas que ajudam as empresas a decidir qual melhor foto, cor ou design usar em uma campanha. Com uso especial para campanhas de produtos e serviços que são vendidos via e-commerce.

Idevnews | Adobe Experience Platform Optimizes 'Customer Journey' with  Cloud, AI and Real-Time Data

Na matéria da Reuters, Ali Bohra, diretor de estratégia e marketing de produto de serviços de inteligência da Adobe, indicou que as novas ferramentas de IA da marca são usadas diretamente nas plataformas de marketing dos clientes que contratam o serviço. Algo que gera ganhos em rapidez e nas tomadas de decisão dos negócios em geral. Importante destacar que a Escola de Negócios FHOX já tinha mostrado outro case similar e inclusive mais completo nesse sentido. O Albert AI é uma plataforma completa de inteligência artificial para empresas e usada por grandes marcas mundiais para campanhas de marketing digital. A tendência é que esses serviços avancem mais e mais e se tornem mais acessíveis. E fica aquela sensação de que ninguém vai segurar os robôs nem no setor de marketing.