Conheça o Mercado FHOX! O marketplace especializado no mercado de fotografia e imagem!


2022: o ano dos smartphones com 200MP (e muito mais)

Anúncio do novo chipset da Qualcomm comprova a tendência dos dispositivos móveis mais parrudos quanto a velocidade e sofisticados recursos e qualidade na hora de fotografar e filmar

Nesta semana a fabricante de sensores Qualcomm anunciou o novo chipset Snapdragon 8 Gen 1. A nova plataforma chega com uma série de inovações e melhorias em relação ao já poderoso 888+.

A Qualcomm anunciou os detalhes de seu chipset móvel de próxima geração, Snapdragon 8 Gen 1 . Além de um novo esquema de nomenclatura, a nova plataforma móvel traz uma série de inovações e melhorias em relação ao seu antecessor Snapdragon 888+ já capaz. Com a tecnologia de chipset o smartphone poderá fotografar até 30 quadros por segundo. Seja com até três câmeras 36MP, ou uma câmera 64MP e uma câmera 36MP. Ou ainda uma única câmera 108MP e será capaz de fazer isso com zero atraso do obturador.

A tecnologia também vai oferecer uma série de avanços sofisticados para fotografar. Uma delas é o Bokeh Engine para adicionar desfoque de fundo a imagens e vídeo. A Qualcomm fez parceria com a Leica para trazer uma coleção de três novos filtros Leitz Looks que reproduzem o desfoque fora de foco exclusivo visto em alguns dos designs de lente mais icônicos da Leica. Os novos filtros/lentes Leitz ‘Noctilux,’ ‘Street’ e ‘Vintage’ serão baseados no bokeh das lentes 50mm Noctilux, 35mm Summilux e 28mm Summilux da Leica, respectivamente.

O processador de imagem é quatro vezes mais rápido do que o antecessor. Na prática ele pode processar até 3,2 gigapixels por segundo. Traduzindo: com esse significa que você pode capturar fotos de até 200 MP de um único módulo de câmera ou até 36 MP de três módulos de câmera ao mesmo tempo. Além de captar vídeos 8K HDR e HDR10 +.

Outro mecanismo é um novo mecanismo Multi-Frame, projetado especificamente para mesclar vários quadros para reduzir o ruído e aumentar a faixa dinâmica em cenas desafiadoras. O último é um Ultrawide Engine, projetado especificamente para reduzir a distorção da perspectiva e minimizar as aberrações cromáticas em imagens capturadas com módulos de câmera ultralarga.

A inteligência da Aritifical está mais uma vez na vanguarda do novo processador da Qualcomm e por trás de muitos dos recursos baseados em IA que ele tem a oferecer. No coração do Snapdragon 8 Gen 1 está um Qualcomm AI Engine de 7ª geração que usa núcleos de alto desempenho e eficientes em energia para oferecer o dobro de memória e velocidade de seu antecessor. Isso não apenas alimenta os filtros Leica Leitz Look mencionados acima, mas também os recursos de detecção de rosto da Qualcomm, processamento de linguagem natural para assistentes pessoais e um recurso de saúde, projetado em colaboração com a Sonde Health , que usa inteligência artificial no dispositivo para analisar os padrões vocais dos usuários para determinar se o proprietário do dispositivo corre risco de vários problemas de saúde, como asma, depressão, COVID-19 e outros. Ou seja, o novo chipset da Qualcomm é realmente poderoso e deve ajudar os fabricantes em garantir os recusos mais sofisticados para os smartphones de 2022.

Com informações da DPreview e da Qualcomm