Entrevistas 2 anos atrás | Redação

Vini Brandini fala sobre sua vitória no Wedding Best Brasil

Para este ano, o fotógrafo escolheu o casamento de Emerson e Brendon, que o chamou atenção pelos pequenos detalhes da paisagem e a felicidade dos noivos e dos convidados

por Revista FHOX

Há quase 10 anos no mercado da Fotografia, Vini Brandini já tem mais de 200 casamentos em seu portfólio. Finalista da edição de 2014 e 2016 do Prêmio Wedding Best Brasil, conquistou o primeiro lugar em 2017.

vini-brandini-5Vini Brandini

1 – Como é a sensação de ganhar?
São várias as sensações: Primeiro veio a surpresa seguida da felicidade plena, pois o meu álbum estava concorrendo ao lado de vários outros incríveis. Depois bateu aquela sensação de dever cumprido e de estar no caminho certo.

2 – Como foi fazer esse casamento?
Esse casamento foi uma surpresa para mim, com algumas pitadas de superação. Surpresa, pois foi um contrato fechado por e-mail diretamente com a assessora do casal. Não tive nenhum contato com eles até 3h antes da cerimônia. Eu só sabia os nomes, o endereço do local e o horário da cerimônia. Tentei achar o casal na redes sociais antes, mas não encontrei nada. Na correria dos preparativos, eles não responderam o checklist que enviei por meio da assessora. Então, eu não sabia como seria a cerimônia, quem eram os noivos, convidados e nem mesmo o dress code. Quase todos os convidados estavam com roupas claras, bermudas, descalços e eu cheguei de calça preta, camisa escura, achando que seria uma cerimônia no jardim da casa ou algo do tipo.

Superação, foi pelo fato dos noivos decidirem de última hora que a cerimônia seria num pier particular super pequeno e apertado. Nós estávamos em dois fotógrafos e não havia como ficar os dois no pier. Eu passei perto de cair no mar algumas vezes e o Iury Carvalho, fotógrafo que me acompanha na maioria dos casamentos, ficou mais de longe, fotografando quase tudo de lado, com uma 85mm. Se soubéssemos disso, teríamos alugado ou emprestado uma 70-200mm. Aliás, se soubéssemos do pier, teríamos arrumado uma GoPro, um drone, ou caixa estanque para fotografar de dentro da água. Mas tivemos que nos virar com o que tínhamos em mãos, somente algumas lentes fixas e ângulos para fotografar muito limitados.

vini-brandiniVini Brandini

3 – Nota preconceito por parte dos colegas ou de outras pessoas quanto a esse tipo de casamento?
Foi o primeiro casamento homo afetivo que fotografarei. É óbvio que infelizmente existe muito preconceito e homofobia na nossa sociedade. Mas felizmente não recebi e não ouvi nenhum comentário preconceituoso de ninguém. Somente muitos elogios ao álbum, às fotos, ao casal e ao casamento.

4 – Você sempre ficou entre os finalistas. Qual o segredo para ter consistência nesse segmento?
O segredo é não seguir modismos e principalmente não relaxar e achar que já sabe tudo. O restante está na resposta abaixo, onde detalho meu estilo.

vini-brandini-2Vini Brandini

5 – Como define seu estilo?
Gosto do termo “documental”. Eu busco fotografias naturais e verdadeiras, sem esquecer da técnica. Minha pós produção não é carregada de presets e efeitos. É um tratamento mais corretivo de cores, contraste e detalhes. Os meus layouts são limpos, sem firulas. Todos os fundos são brancos e não misturo foto colorida com P&B numa mesma página dupla, para não poluir. E principalmente, na edição (seleção de fotos ou curadoria – palavra que está na moda), estou sempre atendo à narrativa – o famoso storytelling para continuar usando palavras da moda.

6 – Qual a importância do álbum no seu trabalho?
Eu tenho três principais momentos/etapas no meu trabalho com casamentos. O primeiro é fotografar o evento, documentar a história. O segundo, é mostrar para o casal na minha visão daquele dia. Isso acontece quando envio o slideshow com as minhas fotos favoritas. É um link com um vídeo com essas fotos. E o fechamento disso tudo é o álbum, que normalmente mescla a minha visão com outras fotos importantes para o casal, já que são eles quem escolhem as fotos do álbum e eu dou meus palpites e direciono para o que eu acho que ficará melhor. E fotos no papel são mais gostosas de ver, né?!

vini-brandini-3Vini Brandini