Facebook lança uma revista impressa (uma curiosa indicação do marketing integrado)

por Revista FHOX Publicado há 2 meses atrás | por Leo Saldanha

Estava folheando a internet quando encontrei a notícia no site da The Drum. Facebook lança uma revista. A matéria mostra a nova revista do Facebook, trata-se de uma publicação com conteúdo exclusivo para empreendedores. O texto indica ainda que Airbnb, Asos, Casper e outras marcas fortes (e 100% digitais) também estão apostando em publicações impressas como parte dos esforços de um marketing mais palpável e da construção de comunidades mais confiáveis. Para mim, é mais uma clara indicação dos esforços de integração das marcas mais valiosas do mundo. Indica ainda que ao contrário do que muita gente imagina, existe espaço para esforços diferenciados e analógicos. A diferenciação que surge de um esforço combinado. Todas as marcas citadas acima, sobretudo o Facebook, são digitais na essência.

Então porque investir em revista? Primeiro é bom destacar que o Facebook não chamou a Grow de revista. Chamam de qualquer outra coisa, porque revista está meio fora de moda. Bom, a Revista do Facebook é uma publicação trimestral voltada para líderes de negócios e que serve como plataforma de crescimento para as empresas. Por que um gigante como o Facebook ou o Airbnb investiriam em revistas? Eu (e a matéria do The Drum) temos algumas respostas óbvias para a decisão dessas gigantes apostando em revistas próprias. Primeiro: Porque o papel não responde. Ele só pede atenção! Segundo: porque a revista não tem comentários, nem distrações piscando na “tela”. Terceiro: porque é algo exclusivo, um momento de imersão que só um livro ou jornal ou revista são capazes de oferecer. É tempo para reflexão de forma mais lenta. É imersão em conteúdo trabalhado e costumeiramente de alto nível. Se você chegou até aqui nesse texto sabe do que estou falando.

A antiga edição impressa do Google. Think também era trimestral

A publicação do The Drum mostra ainda outro exemplo, a revista Think lançada pelo Google. Publicada em 2011, a revista ficou disponível no mercado por algum tempo para depois converter 100% digital. Serviu para criar uma comunidade digital e estabelecer a confiança necessária para depois deixar o impresso de lado. Uma estratégia também possível e que funciona bem com revistas. Pois bem, a Grow do Facebook é uma revista que foi criada porque o próprio Facebook sabe que se fosse uma fanpage não teria índice de atenção. A competição pelo tempo dentro das redes sociais e afins é de uma crueldade extrema. A retenção de leitura é baixa em qualquer coisa digital. Não é à toa que os e-books vendem menos do que os livros físicos. Assim surge a revista do Facebook, Grow traz a vantagem da conexão de segurar algo impresso e parar para ler com atenção. Um comportamento íntimo que é coisa rara na nossa rotina. A tem o fator de confiança no meio. Segundo o Matter of Trust, um estudo de 2017 da Mediacom and Magnetic, 70% dos leitores de revistas impressas confiam nas respectivas publicações em papel.

A revista impressa do Airbnb. Criando valor e confiança para a comunidade

Enquanto isso, os usuários de redes sociais só confiam 30% em publicações digitais. Seria fruto da onda de notícias falsas e afins. Vazamentos de dados, polarização de opiniões. Especialistas respeitados e (ex) executivos importantes do próprio Facebook e afins dizem em publicações frequentes que todos deveriam deletar seus apps de redes sociais e que não dá para confiar nos provedores. Pior, as mídias sociais que deveriam estimular e fortalecer a democracia se tornaram ameaças do poder da liberdade de expressão. Virou uma cobra que come o próprio rabo. A criação de uma revista pelo Facebook talvez ilustre essa busca pela confiança perdida. Ou demonstra alguma chance de interagir com os leitores e usuários de uma forma distinta. Sem o risco de uma carinha feia clicada no fim de cada página.

Seja como for, a FHOX antecipou a necessidade de integrar a forma de comunicação e marketing com os leitores e nas ações comerciais com as marcas. A nova cara da revista, a integração de conteúdo digital e impresso. Assinantes tem a opção da edição 100% digital (embora prefiram no papel). As campanhas de marketing com presença digital e impressa. Por conta disso, vimos o volume de trabalho crescer para a FHOX. O que é uma boa notícia. Vender notícia e mídia se tornou desafiador e estimulante. No último mês obtivemos excelentes resultados de assinaturas. Quando vemos que nossos clientes se interessam e compram graças ao trabalho que estamos fazendo é um bom sinal. Do lado das marcas, a expansão segue evoluindo. Hoje criamos essas campanhas integradas para marcas variadas como Fujifilm, Brasiltronic, Sony, Canon, Go image, DNP e outras grandes marcas. Impresso, e-mail marketing, redes sociais e eventos. É algo que estamos fazendo nos produtos FHOX e no novo e importante Movimento Imprimir. Por sinal, Grow do Facebook chega não só como revista, mas também com eventos físicos. Mais uma vez ilustrando de forma clara que a integração digital e física envolve muitas frentes. Ou seja, não pense que sua estratégia vai funcionar só no digital. Porque em um mundo tão virtual, aquilo que pode ser tocado e sentido ganha cada vez mais valor.

>> Nova turma da Escola de Negócios – Marketing 4.0 

PS – Nunca tivemos tanto conteúdo disponível e não sabemos o que fazer com ele. Nunca tivemos tanto acesso ao mesmo tempo nunca estivemos tão sem tempo para refletir. De parar para pensar. Ainda bem que jovens já puxam uma nova fase de comportamento mais analógico e presente. Sobretudo na Europa e Estados Unidos. Não, eles não deixam seus smartphones de lado e nem abandonam suas vidas digitais. Mas certamente sabem que a vida não é só consumida na telinha do aparelho. Ou seja, a combinação dos dois mundos (e não a exclusão de um pelo outro) parece um caminho cada vez mais possível.

>> CAMERACLUB: BENEFÍCIOS E DESCONTOS EM MAIS DE 2 MIL VANTAGENS EM UMA COMUNIDADE COM MAIS DE 4 MIL MEMBROS 

Se você tem uma matéria, um relato, uma coluna, um tutorial ou qualquer outro tipo de conteúdo e quer contribuir com o FHOX.com.br, nos envie! Nosso departamento de redação vai analisar e, se aprovado, será publicado e assinado por você, respeitando todas as regras do direito autoral. Colabore clicando aqui: Você na FHOX.