Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

Sesc Bom Retiro apresenta a exposição Arte Ofício/Artifício, de German Lorca

Entre 27 de outubro de 2016 e 26 de fevereiro de 2017, o Sesc Bom Retiro apresenta a exposição fotográfica Arte Ofício/Artifício, de German Lorca, com curadoria de Eder Chiodetto. O projeto compreende um apanhado com trabalhos desde o início da carreira do artista, quando ingressou no Cine Fotoclube Bandeirante na década de 40, passando por suas colaborações com reportagens, publicidade e produções autorais. O fotógrafo hoje, aos 94 anos, colabora e influencia ativamente com apuro técnico e estético para a fotografia no Brasil.

[media-credit name=”German Lorca” align=”alignleft” width=”800″]German-Lorca-1[/media-credit]

A mostra contará com aproximadamente 60 fotos dispostas em três núcleos, que colocarão o fotógrafo diante do público, em suas múltiplas atrações nos campos da fotografia experimental, publicitária e em cores. Algumas das imagens apresentadas serão inéditas.

Toda inventividade e experimentação de Lorca irá compor o núcleo experimental da mostra. Ela demarcará um período na vida do artista que, influenciado por Geraldo de Barros, aventurou-se pelo livre universo das fotoformas. Nesse mesmo período, German Lorca documentou a inauguração da Catedral da Sé e foi convidado como fotógrafo oficial da comemoração do IV Centenário de São Paulo.

[media-credit name=”German Lorca” align=”alignleft” width=”800″]German-Lorca-2[/media-credit]

Outro nicho da exposição é o de imagens publicitárias. Percebendo o início da demanda por fotos comerciais no Brasil, durante as décadas de 40 e 50, o artista iniciou a produção de campanhas publicitárias, inaugurando estúdio próprio, o que ampliou seu processo de criação que passou a ter fotografias técnicas, industriais, comerciais e jornalísticas.

Na década de 70, com a cor incorporada em seu trabalho, Lorca começou a desenvolver pesquisas para fotos coloridas, com a mesma versatilidade com que produzia em preto e branco. Sobreposições, alteração de contrastes ou até mesmo fotografias diretas que nos remetem a jogos cromáticos, ao surrealismo perpassam toda a carreira do fotógrafo.

[media-credit name=”German Lorca” align=”alignleft” width=”800″]German-Lorca-3[/media-credit]

 

Sobre German Lorca

O artista nasceu em São Paulo, no ano de 1922, formou-se em Ciências Contábeis pelo Liceu Acadêmico, mas deixou a contabilidade por uma nova paixão, a fotografia. Em 1949, participou do Foto Cine Clube Bandeirante (FCCB), associação de fotógrafos que introduziram novas tendências na fotografia. Registrou a paisagem da cidade de São Paulo, em especial os locais da região central, como a Praça da Sé. Abriu estúdio próprio em 1952. Em 1954, foi o fotógrafo oficial das comemorações do IV Centenário da Cidade de São Paulo, com fotos que ficaram conhecidas por capturarem ângulos inusitados de políticos e personalidades da época, como Getúlio Vargas, Jânio Quadros e Orlando Villas-Boas.

[media-credit name=”German Lorca” align=”alignleft” width=”800″]German-Lorca-4[/media-credit]