Exposições 2 anos atrás | Redação

“Blanco y Negro” no Espacio Uruguay, em São Paulo

Vem aí mostra coletiva de 16 fotógrafos sob curadoria de Juan Esteves

por Revista FHOX
ADRIANA-SONG-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSAdriana Song

Há vários meses um grupo de interessados pela fotografia contemporânea reúne-se em São Paulo, sob coordenação de Juan Esteves, para refletir, debater, conceitos e o fazer fotográfico. É dessa produção que surge a mostra “Blanco y Negro” que o Banco de la República Oriental del Uruguay abraçou e exibirá de 20 de setembro a 14 de outubro em seu espaço cultural na Avenida Paulista, com apoios da Artphoto Printing e da Capricho Molduras.

O grupo, de 16 pessoas, traz na bagagem percursos distintos, envolvendo áreas de conhecimento da arquitetura, escultura, fotografia, o que enriquece os encontros. Para esta exposição, Esteves elegeu como fio condutor para a curadoria a fotografia em preto e branco, um tema que, segundo ele, “muita gente vem alardeando o seu fim”.

“A imagem fotográfica em branco e preto vem navegando pelo nosso campo imagético desde seus primórdios, pelo registro mais documental ou naquele que se sustenta em forma de arte, tendências que aqui nesta exposição se conectam harmoniosamente”, acrescenta.

Em “Blanco y Negro”, as imagens dos fotógrafos se fundem na própria história do meio fotográfico: paisagens pictóricas como as de Adriana Song feitas no Maranhão; as de Ana Magalhães feitas em Pernambuco e as Fernanda Klee do litoral paulista, sacramentam o caráter pictórico intrínseco à fotografia.

Estão ao lado das tomadas mais urbanas produzidas por Bruno Gallerani em diferentes países como os Estados Unidos e Cuba; o grafismo moderno da cidade em luzes e sombras  capturados por Roberto Alves Lima e Anderson Santana ou transformados em cartemas por Tania Hayfaz. Da metrópole paulistana saem a arquitetura histórica contemplativa de Vera Caminada e os frenéticos movimentos fotografados por Lilian Shimizu.

No caminho dos grandes artistas viajantes, Valeria Khouri vai ao continente africano buscar seus recônditos surreais; Emi Takahashi traz seus personagens incomuns ao redor do mundo; Mariana Bertrand as belas espécies da fauna tanto da Amazônia quanto do Yosemite Park, nos EUA e Bete Marques o olhar atento as ruas de Cuba e Portugal.

O corpo humano, elemento seminal mais que presente na imagem fotográfica, é representado por diferentes caminhos gráficos como os nus de Cynthia Barros com suas interferências, o corpo em movimento e abstratos na arte de Suzana Mendes e as delicadas texturas corporais nas fusões de Juliana Carrascoza

No total são 80 fotografias, a maioria delas nos tamanhos 40 por 60 cm e 50 por 50 cm.

 

Serviço

Espacio Uruguay – Banco de la República Oriental del Uruguay

Av. Paulista, 1.776, Edifício Parque Avenida, 9º andar, de segunda a sexta das 14 às 18 h

Visitação: de 20 de setembro a 14 de outubro de 2017

ANA-MAGALHAES-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSAna Magalhães
ANDERSON-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSAnderson Santana
BETE-MARQUES-MOSTRA-B_LANCO-Y-NEGRO-PRESSBete Marques
BRUNO-GALLERANI-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSBruno Gallerani
CYNTHIA-BARROS-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSCynthia Barros
EMI-TAKAHASHI-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSEmi Takahashi
FERNANDA-KLEE-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSFernanda Klee
FOTO-LILIAN-SHIMIZU-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSLilian Shimizu
JULIANA-CARRASCOZA-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESS-Juliana Carrascoza
MARIANA-BERTRAND-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSMariana Bertrand
ROBERTO-ALVES-LIMA-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSRoberto Alves Lima
SUZANA-MENDES-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSSuzana Mendes
TANIA-HAIFAZ-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSTania Hayfaz
VALERIA-KHOURI-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSValeria Khouri
VERA-CAMINADA-MOSTRA-BLANCO-Y-NEGRO-PRESSVera Caminada