Conheça o ImageCon - Conferência do Imaginário

4º BIT! Festival de Fotografia da Incubadora de Artistas vem aí

Começa em 9 de dezembro a quarta edição do BIT!, Festival de Fotografia da Incubadora de Artistas que acontece anualmente com a proposta de mostrar aspectos diversos da imagem fotográfica.

Como nos anos anteriores, a abertura da exposição terá o lançamento de um livro fotográfico. O deste ano será o “Desnuda Alma”, da paulistana Cynthia Barros, acompanhado de uma exposição. As imagens apresentam a busca pela verdadeira essência de humanidade que transborda das pessoas quando elas se “libertam” de suas vestimentas – simples peças de pano que, muitas vezes, mais do que aquecer, estão carregadas de significados aprisionantes.

Para o curador do livro, o fotógrafo e crítico paulista Juan Esteves, “o corpo humano nu é um tema duradouro na arte. Desde a Antiguidade, seja nos seus contornos espirituais ou através daqueles mais materiais, os artistas se expressam por esta linguagem em suas múltiplas abordagens, da busca pela estese que suas formas provocam aos manifestos políticos pertinentes à vida contemporânea. As imagens de Cynthia Barros caminham por esta multiplicidade.

Nas suas fotografias enxergamos todos os aspectos da experiência humana, mostrando que a figura nua claramente tem sua importância. Não somente aqueles que queremos ver mas também o que não procuramos. Aqueles que nos afastamos muitas vezes conscientemente e os outros que nossos trajetos sociais são capazes de provocar a nossa revelia.”

Cynthia Barros fotografa desde 2007 e começou seu projeto fotográfico com nus em agosto de 2016. Primeiramente com as mulheres do seu círculo pessoal, como sua avó, amigas e depois estendeu para os amigos, conhecidos da cidade onde mora e também de São Paulo, onde viveu por muitos anos. Suas imagens não fazem distinção de sexo, gêneros, nem de idade, ou qualquer prioridade ao quesito estético, o que ampliou e tornou mais significativo o conteúdo do livro com uma abordagem contemporânea que não se debruça somente pelo imagético mas que também inclui uma conexão mais humana e ontológica bem como política. Sem ser algum manifesto, constitui em um delicado trabalho, que alia as boas composições fotográficas a conceitos bem estruturados na busca pela revelação mais humanista, o que nos dias de hoje é algo raro diante de um mundo que se mostra extremamente polarizado

[media-credit name=”Fotos: Cynthia Barros” align=”aligncenter” width=”683″]WEB FOTO DE CYNTHIA BARROS LIVRO DESNUDA ALMA_PAG_019_[/media-credit]

NU DO LIVRO DESNUDA ALMA

.